Em Curiosidades Notícias

Cão português de 8000 anos


É difícil viajar pelo interior de Portugal e não encontrar uma casa cheia de cães. Minha tia que mora em Trás-Os-Montes e deve ter pelo menos uns 7 para tomar conta do terreno de sua casa. A relação entre os portugueses e nossos amigos de quatro patas já vem de longa data, sendo passada de geração em geração.


E essa longa data é tão longa, mas tão longa que foi descoberto no Alentejo, mais precisamente em Alcácer do Sal uma sepultura canina de aproximadamente 8.000 anos de idade. Essa sepultura é considerada a mais antiga já descoberta no sul da Europa.

A descoberta se deu em julho de 2011, mas devido à espera da datação através de carbono 14 foi preciso aguardar para confirmar a descoberta que foi realizada em conjunto pelas Universidades de Lisboa e da Cantábria.


O mais interessante é que foi possível recuperar também o modo de alimentação do cão, que basicamente comia peixe, mostrando que a ligação do povo português com o mar é realmente muito antiga. Parabéns aos descobridores e que venham mais descobertas!

Informação retirada de www.jn.pt e bicharada.net



Postagens Relacionadas

0 comentários:

Postar um comentário